Deixem o vosso e-mail para receber notificações de novos artigos...e ganhar brindes

terça-feira, 30 de dezembro de 2014

The Guest


“Pá, isto tá com uma banda sonora do caralhovski!”, disse eu em voz alta para mim mesmo prái a meio do filme.

Sou muito susceptivel e tendencioso com esta coisa das bandas sonoras nos filmes. Admito que por vezes um filme que de outra forma seria bastante mediocre, tendo uma boa banda sonora sobe logo uns quantos niveis na minha consideração. Então se essa banda sonora se focar em new-wave e dark synth pop...meus amigos*, até choro! De contente.

The Guest é mais um filme de que eu praticamente nunca tinha ouvido falar até o ver. Vi o titulo no top de torrents semanais do meu site do costume para essas coisas, copiei o nome para o Google, apareceu ali uma notinha positivia do IMDB, e pronto, decidi experimentar. Dado o meu relativo isolamento geográfico e cultural face “às coisas do ocidente”, tem me acontecido com frequencia esta coisa de apanhar filmes de surpresa que me deixam aos pulinhos de contente.


Nem sei muito bem por onde começar com este The Guest. Atenção, não estou a dizer que é um excelente filme nem nada de super extraordinário. Aliás, julgo até que muitas das reviews que se fizeram ao filme estão estão altamente exageradas. Mas deu-me um gozo tão grande do principio até ao delicioso final! Os actores estão todos de parabéns. Todos! É raro ver um filme em que todos desempenham a sua função de forma tão eficiente e carismática. Mas aqui é isso mesmo que acontece.


E...bem, sinto que comentar mais sobre o filme se torna complicado sem entrar em spoilers. Gostei. Muito. É o que interessa.


Sem comentários: