Deixem o vosso e-mail para receber notificações de novos artigos...e ganhar brindes

segunda-feira, 4 de janeiro de 2010

Burj Dubai



Nao poderia, de maneira nenhuma, deixar passar em branco este grande acontecimento que é a inauguração da mais alta construcção alguma vez construida pela humanidade, o Burj Dubai. Deixemos de lado, por momentos, qualquer implicação politica, economica e complicaçoes de Direitos Humanos intimamente ligados á construcçao desta torre, e contemplemos apenas a obra, a força e a imparavel ambição do Homem: O Homem existe, o Homem quer, e o Homem faz! Somente.

Há quem considere o Burj Dubai (e todo o Estado do Dubai) uma aberração e um insulto recheado de insensibilidade. Eu, por mim, e tendo acompanhado a construcçao (pela net) da torre desde que ela nao passava ainda de um projecto em papel, nao consigo nem posso esconder o meu entusiasmo por finalmente ver o fantastico resultado final. São necessarios projectos deste género para manter a chama da Humanidade viva e acesa. Por mais crises e maus momentos que o Mundo possa enfrentar, nunca se deve negar a natureza Humana, a natureza que nos leva a alcançar sempre mais e chegar mais longe, sem nunca parar. Esta torre é um simbolo que, apesar de tudo, esse instincto natural do Homem continua vivo, assim como já existia há milhares de anos quando se ergueram as Piramides de Gizé e outros tantos titanicos monumentos ao longo da História.

1 comentário:

Domingos disse...

Noticia de ultima hora, agora, graças ao empréstimo feito pelo chefe de estado do Abu Dhabi ao Dubai, em homenagem a esse chefe de estado, decidiram mudar o nome do edificio para Burj Khalifa.

Quanto á obra, é de facto impressionante e poderemos de facto estar na presença da primeira das grandes maravilhas da humanidade deste Milénio. E dentro de 2 milenios, estarão os miudos de entao a questionar á sua professora (programa informático) como foi possivel os homens de agora erguerem uma construção tão monumental e sugerindo que talvez tenham tido ajuda extraterrestre, pois era impossivel simples homens do segundo Milénio DC construirem algo assim.