Deixem o vosso e-mail para receber notificações de novos artigos...e ganhar brindes

quinta-feira, 19 de novembro de 2009

VITALIC - FLASHMOB

Image and video hosting by TinyPic

Foi com grande embaraço pessoal que me dei conta ("que realizei", como no futuro será aceite dizer-se) há dois dias atrás que o novo album de Vitalic, Flashmob já tinha saído no final de Setembro. Um verdadeiro evento!

E um grande evento porquê? Porque desde que no futurista ano de 2005 saiu um tal de album chamado Ok Cowboy que a electronica nunca mais foi a mesma! Um daqueles albuns perfeitos, do principio ao fim, Ok Cowboy definiu, quanto a mim, uma nova era da musica electronica, um renascer e ao mesmo tempo um novo nascimento de um estilo, de uma metodologia, de uma harmonia musical até então muito raramente encontrada no género. E consequencia disso, para mim Vitalic tornou-se no Deus da musica electronica! Com apenas um album! Sim, it's that good!

A musica electronica geralmente é de extremos, ou é musica explicitamente dance/club para se ouvir com o volume bem elevado, ou é musica mais sintética, flutuante e relaxante. Vitalic destaca-se, e define-se, por ser o rei que melhor consegue fundir todos estes estilos e criar um estilo de musica electronica que tanto sabe bem ouvir no nosso quotidiano com o nosso leitor de mp3, como serve perfeitamente para animar uma qualquer discoteca. Colocando uma setlist de Vitalic a tocar num bar com o volume baixinho e cria-se a perfeita atmosfera lounge, sofisticada e relaxante. Aumenta-se o volume e subitamente o ambiente explode! e ninguem consegue ficar indiferente á imediata vontade de mexer, de dançar, de reagir á energia emanada pelas pistas de Vitalic. É neste campo que Vitalic é supremo e, apesar de não ser o unico artista a vaguear por estes campos, na minha opiniao é sem duvida nenhuma o melhor!

E assim chegamos ao seu segundo album, Flashmob. É melhor que Ok Cowboy? Bem, é dificil responder a essa questão. Talvez seja melhor perguntar, é uma boa evoluçao de Ok Cowboy? Sim, é, sem duvida! Vitalic com este Flashmob nao se reinventa, nao muda o seu estilo drasticamente, nem é muito imprevisivel. E, no fim de contas, nao faz um album com tanto impacto como Ok Cowboy. Mas nao hajam duvidas, Flashmob é excelente! E no deserto qualitativo que tem sido esta década no que toca a boa musica electronica, Flashmob impoe-se facilmente como um dos melhores! Discovery (Daft Punk), Cross (Justice), Ok Cowboy e este Flashmob quase completam um top 5 da melhor electronica dos ultimos 10 anos. Pode parecer uma selecçao muito previsivel e mainstream, mas muito sinceramente, e pessoalmente, e por mais artistas underground que procure, nao consigo encontrar melhores exemplos. Curiosamente sao todos franceses.

Bem mas falemos de Flashmob que é pra isso que estou a escrever. Tal como já disse Flashmob para mim nao é melhor que Ok Cowboy, e de certa forma e tendo em conta as expectativas criadas para esta "sequela", posso até dizer que estou ligeiramente desiludido. Desiludido apenas porque Flashmob nao é perfeito, é apenas muito bom, roçando o excelente.
A principal falha que encontro neste Flashmob é a ausencia de explosão emocional. Nenhuma das pistas do album me eleva aos ceus da electronica como acontecia com a Poney Part 2, Repair Machines ou My Friend Dario, nem nenhuma delas me mergulha num ambiente tao intimo e magico como acontecia com a The Past, U and I e Trahison.

Mas deixando comparaçoes de lado, Flashmob apresenta-nos suberbas musicas! O single inicial, Your Disco Song é das tais musicas 100% Vitalic, que rebentam com qualquer dancefloor e animam qualquer sessao de limpeza doméstica em igual medida. Poison Lips, o segundo single tambem é uma excelente musica disco, embora se deixe planar em demasia apartir da sua segunda metade e padeça da tal falta de explosao emocional de que eu falava em cima.
Bem, mas nao vou agora comentar todas as musicas do album pormenorizadamente (isso é chato, bastante), até porque cada pessoa reage de forma diferente a cada musica. Posso ainda assim dizer que no lado das musicas mais relaxantes e intimas (que é tambem uma das grandes imagens de marca de Vitalic), Allan Dellon é a minha favorita do album. De resto, Flashmob (a musica), One Above One, Chicken Lady, Terminateur Benelux, Still....tudo musicas excelentes!
Todo o album é excelente, nao quero que me interpretem mal. Pode nao se elevar acima de Ok Cowboy, mas digamos que se Ok Cowboy nao existisse este Flashmob seria tambem ele um album perfeito, de uma excelencia incomparavel!

Com este Flashmob, de artista underground e de futuro obscuro, Vitalic passou imediatamente a fazer parte dos grandes nomes do género. Dos maiores mesmo. Para mim é o maior, e já o era com Ok Cowboy. Espero apenas que posso tocar ainda mais pessoas com esta nova investida.
Pode-se até dizer, e perdoem-me o trocadilho facil, que Vitalic se tornou, literalmente, Vital!

No meio de tudo isto, que foi tanto um post sobre Flashmob como foi em igual medida um que deixou bem clara a minha devoçao a Vitalic, faltou-me falar do album de remixs This is the Sound of Citizen, e do album ao vivo. Tudo pedaços indispensaveis nao só para os amantes da electronica mas tambem para os apreciadores de musica em geral.

Para terminar deixo o clip de Poison Lips. Optima musica como já havia referido, e tambem excelente clip. Enjoy!


Sem comentários: