Deixem o vosso e-mail para receber notificações de novos artigos...e ganhar brindes

terça-feira, 18 de dezembro de 2007

Passage

Image Hosted by ImageShack.us


Arte! Arte pode surgir em várias formas, e os videojogos são apenas mais uma forma de arte que deve ser devidamente explorada e apreciada.

Calma, calma!! Este não é mais um artigo cliché a defender o estatuto de arte dos videojogos nem nada disso, por isso não se vão já embora, por favor. Ainda assim, aproveito de qualquer maneira pra deixar claro (acho que já o tinha feito) que sou, de facto, um grande defensor de que os jogos são uma forma de arte legítima, e não tenho quaisquer tipo de duvidas que num futuro não muito longiquo esse reconhecimento, oficial, virá...não que seja muito importante ou vá realmente mudar algo, mas pronto.

E é neste contexto que vos apresento, caso ainda não conheçam, o "jogo" Passage.
Passage é um pequeno jogo indie que tem causado enormes reacções pela net. É uma autentica pérola que, em 5 minutos (duração do jogo), consegue resumir de forma incrivelmente eficaz e comovente, o percurso que é a Vida.
Com uma mecanica ultra simples (andar prá frente, trás, baixo, cima), um grafismo minimalista, e uma faixa sonora que nos transporta na perfeição, este jogo consegue transmitir uma tal carga emocional que nem as maiores produçoes CGI da Square conseguem, o que por si só, é um feito extraordinário, e que não deveria passar ao lado de ninguem!
Ok, eu não sou um gajo que me deixe comover com grande facilidade, mas quando terminei Passage pela primeira vez, era capaz de jurar que tinha uma lágrima teimosa a lutar por sair do meu olho direito....

São só 5 minutos de jogo, e um download de 1,73 megas....experimentem! Não se vão arrepender. E se se arrependerem.....lol, dont give a fuck :)

O link:
PASSAGE


*Gosto particularmente deste Passage no sentido em que ele representa, de forma mais ou menos completa, a linha de pensamento do titulo deste blog. Titulo aliás pelo qual eu tenho um grande carinho e enorme sentido de protecção. Talvez um dia eu desenvolva mais este assunto....mas como é habitual, é pouco provável.

3 comentários:

puppetmaster disse...

Fantástico. Grande trip. Poque é que a vida tem tantos obstáculos? ;_;

Nando disse...

Quero os meus 5 mins de volta.

rpf disse...

Bem interessante a ideia do jogo.